Review: Killzone 2

Decidi começar outra review. Vou fazer de Killzone 2.

Killzone 2 é um dos principais exclusivos que existem pra PS3, junto com MGS4, GOW e etc. Mas Killzone é um jogo quite especial. O meu veio pela troca de Assassin’s Creed + FarCry2 e sério, valeu muito a pena. Vamos ver o motivo!

APÓS O MORE!

NICE!

NICE!

Gráficos: Sei lá, gráficos pra mim são a primeira coisa que eu presto atenção em um jogo. E os de Killzone são muito bons, sério. Aliás, é a segunda melhor parte do jogo.  São lindos, dá pra destruir prédios, os nego lá Helghast morrem muito bem, etc. Os gráficos de Killzone realmente demonstram o poder gráfico do PS3. Porém, nada é tão perfeito: algumas texturas de chão são meio ruins, mas nada que atrapalhe.

NOTA: 9,5

História: não joguei Killzone 1 então não tive um entendimento da história completo. Entendi que temos que matar os Helghast e ponto final por que eles são malzões. E isso é um problema. Quando um jogo é muito bom, eu me importo em saber por que eu estou matando certa pessoa. No caso de Metal Gear por exemplo: a história do jogo me convenceu a não matar todos os Genome Soldiers do 1º jogo. Só os que me incomodavam. Então, a história de Killzone não me fez pensar sobre os Helghast. Vocês podem e devem achar isso quite idiota, mas é assim que eu penso.
NOTA: 8

Bem bonito hein?

Bem bonito hein?

Jogabilidade: É um FPS. Não há muito o que dizer. Mas algo que eu achei legal são os movimentos: parecem bem orgânicos e humanos. A arma fica numa posição que ficaria se fosse de verdade. Eu achei da hora. De verdade. O sistema de mira é bem no estilo COD4 (ou seja, se você acerta um cara, aparece um X vermelho sobre ele, o que ajuda pra burro).

NOTA: 8

Multiplayer: Tá, chegamos na melhor parte. Declaração Bombástica: IMHO Killzone 2 é o novo COD4 em termos de multiplayer. Sério, é muito divertido. Tá cheio de gente, pouco lag, muita gente de novo, muita arma, muito tiro, muita gente morrendo. Senti a mesma coisa na primeira vez que joguei COD4: MUITO BEM. Você fica no jogo por 4 horas na boa. Aliás, KZ2 no multiplayer é uma excelente forma de ficar com fome. Tu joga por horas e IMEDIATAMENTE depois de desligar o PS3 bate uma fome desgraçada.

Se existisse um prêmio de GOTY baseado só no multiplayer, KZ2 ganharia hoje. Nem precisa esperar o ano acabar. O jogo vale muito a pena graças ao multiplayer.

NOTA: 10

—————————————————————————————————————————————————

CONSIDERAÇÕES FINAIS

MÉDIA: 9

DAMN HELGHAST!

DAMN HELGHAST!

Bom, chego a conclusão que Killzone é um dos melhores jogos que existem hoje no PS3. Não tem o mesmo brilho se você não tem uma conexão de internet para o PS3. Se você não tem ainda, compre um cabo de rede de 20 metros e corra na http://shopto.net e gaste bem gasto 32,99 GBP (107 reais).

Abraços!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: